Make your own free website on Tripod.com
Os Protocolos dos Sábios de Sião


LE Fastcounter

English - Inglês      French - Francês - Français     German - Alemão - Deutsch     Swedish - Sueco - Svenska

CAPÍTULO I
       Resumo.- O direito reside na força. A liberdade é uma idéia. O liberalismo.O ouro. A fé. A autonomia. O despotismo
do capital. O inimigo interno. A multidão.A anarquia. A política e a moral. O direito do mais forte. O poder judaico-maçônico é invencível.O fim justifica os meios. A multidão é cega.O alfabeto político. As discórdias dos partidos. A forma de governo que melhor conduz ao nosso fim é a aristocracia. As bebidas alcoólicas. O classicismo. A devassidão. O princípio e as regras do governo Judaico e franco-maçon. O terror. Liberdade. Igualdade. Fraternidade. O princípio do governo dinástico. A destruição dos privilégios da aristocracia dos cristãos. Cálculo psicológico. Abstração da liberdade. Removibilidade dos representantes do povo
 

CAPÍTULO II

 
Resumo. - As guerras econômicas são
a base da supremacia judaica. A administração
visível e os "Conselheiros Secretos". O êxito
das doutrinas destruidoras. A assimilação
na política. O papel da imprensa.O preço do
ouro e o valor das vítimas judaicas
 


 
  CAPÍTULO III
 
Resumo - A serpente simbólica e sua
significação. Instabilidade do equilíbrio
constitucional. O terror nos palácios.
O poder e a ambição. As máquinas de falar
dos parlamentos, os panfletos. Os abusos do poder
.A escravidão econômica. "A verdade do povo".
Os açambarcadores e a aristocracia. O exército
dos franco-maçons judeus. A degenerescência
dos cristãos. A fome e o direito do capital
.A vinda e a coroação do "Senhor Universal".
O objeto fundamental do programa das futuras
escolas populares dos franco-maçons.
O segredo da ciência da ordem social.
Crise econômica geral. Segurança dos "nossos".
O despotismo dos franco-maçons é o reinado da
razão. Perda dum guia. A franco-maçonaria e
a "grande" revolução francesa
.O rei déspota é do sangue de Sião.
Causas da invulnerabilidade da 
franco-maçonaria. A Liberdade.